Unpacked: Galaxy S20 Ultra e Z Flips são as novas joias da coroa da Samsung

A Samsung está a realizar em São Francisco o evento para mostrar a sua nova geração de smartphones Galaxy, Galaxy Buds Plus, o Z Flip e outros equipamentos.

Chegou o grande dia de apresentação das novidades da Samsung para os próximos meses. A fabricante coreana antecipa-se à Mobile World Congress para revelar ao mundo o Galaxy S20, a nova geração do seu topo de gama. Mas não só, há outras revelações já confirmadas para o evento, nomeadamente o seu novo smartphone dobrável, o Galaxy Z Flip, revelado oficialmente durante a noite dos Óscares, confirmando assim os inúmeros rumores que o novo equipamento foi alvo.

Samsung oficializa o nome do seu novo smartphone dobrável: Galaxy Z Flip

Rebecca Hirst abre o evento do Unpacked ao tom do novo smartphone dobrável da Samsung. “Hoje damos um novo grande passo em frente, com a apresentação do Galaxy Z Flip”, confirmando assim o nome do equipamento. O tamanho do ecrã é de 6,7 polegadas e chega em três cores: mirror purple, mirror black e mirror gold, neste caso para mercados selecionados. Foi também confirmado que no pequeno ecrã externo é possível ler notificações, as horas e atender chamadas. Tem um vidro ultra-fino, "capaz de enfrentar as leis da física", destaca Rebecca Hirst. Tem o primeiro sistema punch-hole num smartphone dobrável, o chamado "Flex Mode". O smartphone vem acompanhado de uma assinatura YouTube Premium.

O smartphone pode ser utilizado em diferentes posições, nomeadamente a 90 graus como o SAPO TEK já tinha adiantado. Salienta ainda o sistema de dobradiça, considerado o "calcanhar de Aquiles" dos smartphones dobráveis, com uma tecnologia que não deixa fendas ou orifícios onde se deposita sujidade, demonstrando assim que aprendeu com os erros do Galaxy Fold original.

O smartphone é lançado a partir do dia 14 de fevereiro, a arrancar nos 1.380 dólares.

Roh Tae-moon, o novo líder da divisão de smartphones da fabricante sul-coreana, ocupando o cargo de DJ Koh, e restante equipa, estreou-se nas apresentações do Unpack, destacando que a inovação pode estar de mãos dadas à segurança. No seu discurso salienta as capacidades do 5G e deixa a promessa de levar a quinta geração a mais público. De mãos dadas com o 5G, salienta a palavra "convergência" com experiências de IA e IoT que cada vez mais são parte da vida das pessoas. Garante ainda mais segurança nos seus equipamentos, salientando o Knox, revelando parcerias importantes com empresas como a Netflix que depositam na empresa a proteção.

Família Galaxy S20 ganha versão "Ultra"

Esta introdução serviu para o novo líder da divisão mobile apresentar o esperado Galaxy S20, um dos segredos mais "mal guardados" dos últimos tempos. O SAPO TEK já teve oportunidade de o experimentar, numa apresentação de antecipação do equipamento.

No centro da experiência do novo smartphone está a fotografia. A fabricante quer oferecer aos seus utilizadores as melhores experiências de captura, seja num concerto ou festa de anos de um filho, e por isso, reconstruiu o conjunto de lentes. Uma das promessas é manter a imagem cristalina depois de um corte de uma porção de imagem, ou quando se capta algo à distância com o zoom. O sistema é ajudado pela inteligência artificial.

Anteriormente a Samsung demonstrou ao SAPO TEK que em vez de partilhar apenas as tradicionais specs, com número de câmaras, megapixels, abertura e qualidade de zoom, a marca fez uma opção inteligente de partilhar casos de uso, mais fáceis de entender pelo consumidor, mesmo o que já se considera "pro" na fotografia. Mesmo no vídeo, confirma-se os leaks da "revolução" prometida pela fabricante, ao gravar em 8K.

A Samsung revelou uma parceria com a Netflix para o entretenimento. O objetivo da parceria é oferecer a melhor experiência de integração dos seus produtos nos smartphones da empresa. Vai também haver conteúdos exclusivos, como o Behind the Scenes do Narcos Mexico nos canais da Samsung. Uma parceria semelhante ao que a empresa sul-coreana fez o ano passado com a Epic Games para o Fortnite, ao receber o jogo em exclusivo temporário em Android. Ao pesquisar conteúdos no Bixby da empresa, por exemplo, Stranger Things, será logo listado os episódios da série para fazer o download no próprio sistema da Samsung. A parceria estabelece assim uma maior integração do Netflix no ecossistema do Galaxy.

Ainda sobre integrações, a emprsa estabeleceu uma parceria com a Google para oferecer uma experiência de Google Duo, tanto no Galaxy S20 como no Z Flip. O sistema permite enviar mensagens instântaneas em vídeo aos seus contactos, por exemplo. A parceria com a Google extende-se ao 5G, smartphones dobráveis e acessibilidade nos equipamentos da Samsung. A união das duas empresas pretende assim estabelecer uma ponte eficaz entre o hardware e o sistema operativo.

Há ainda uma parceria com a Microsoft para a integração da Xbox no smartphone, e revelou Forza para o smartphone. Mais importante é que a fabricante está no barco para quando a Microsoft lançar o seu serviço de gaming em streaming, o xCloud. Ainda no que diz respeito ao gaming, o ecrã a 120 Hz oferece imagens mais nítidas e fluídas.

A nova família Galaxy recebe a versão Ultra, com um sensor de 108 MP, que pela demonstração parece um autêntico "telescópio" tal a distância (x100) que captura imagens. O Galaxy S20 vai sair em três tons: Azul Nuvem, Cinzento Cósmico e Rosa Nuvem. O Galaxy S20+ em Azul Nuvem, Cinzento Cósmico e Preto Cósmico. E o Galaxy S20 Ultra 5G: Cinzento Cósmico e Preto Cósmico. Os três modelos estarão disponíveis em loja a partir de 13 de março de 2020 em cores . O preço para o Galaxy S20 é de 929,90 euros, para o Galaxy S20+ 1.029,9 euros e na versão 5G será 1.129,90 euros. O Galaxy S20 Ultra 5G tem um preço de 1.379,9 euros. As pré-vendas começam hoje, dia 11 de fevereiro. Com limitação ao stock existente, os consumidores que pré-comprarem um Galaxy S20+ ou Galaxy S20 Ultra 5G recebem de oferta um par de Galaxy Buds+ (preço de 169,9 euros). Há ainda uma versão especial inspirada pelos Jogos Olímpicos do Japão.

A Samsung confirmou ainda os novos Galaxy Buds Plus, prometendo mais autonomia, assim como qualidade de som, mas sobretudo um sistema de microfones para que mantenha uma chamada telefónica em locais com mais ruído. O sistema chega às lojas já no próximo dia  14 fevereiro por 169,90 euros.

EM ANTEVISÃO

O Unpacked tem início às 19:00 e como é habitual, o SAPO TEK vai acompanhar em tempo real o que for revelado por Roh Tae-moon, o novo líder da divisão de smartphones da fabricante sul-coreana, ocupando o cargo de DJ Koh, e restante equipa. Poderá acompanhar a conferência com transmissão em direto a partir do website da Samsung. Mas o que já sabemos?

O poder do Samsung Galaxy S20

A Samsung é considerada a empresa mais “transparente” da indústria no que diz respeito a leaks. Praticamente todas as novidades antecipadas batem certo com a revelação oficial e sobre o Galaxy S20 são várias as informações, incluindo o vídeo de publicidade que foi o mais recente leak de antecipação como pode ver em baixo.

Na verdade, a revelação dos novos smartphones Galaxy S20 foram revelados “sem querer” pela fabricante no início do mês, nas suas plataformas comerciais europeias. Apesar do “erro” da publicação antecipada, como se costuma dizer, “uma vez na internet, para sempre na internet” e os modelos foram rapidamente registados pela imprensa internacional. Em primeiro lugar a mudança de nome da linha, invés da geração 11 da linha S, este mudou de S11 para S20, tal como a Huawei faz com os seus modelos, nomeando-os de 10 em 10.

O novo modelo apresenta uma câmara frontal centrada no topo do ecrã, em forma de punch hole. O equipamento será acompanhado de uma capa com diversos LEDs embutidos que fazem lembrar um “céu estrelado”, o que faz sentido na galáxia da Samsung.

No mês passado novos leaks mostraram que a próxima geração introduz uma variante de luxo no segmento, o S20 Ultra 5G, aquele que será o estado de arte da indústria dos smartphones. Este modelo poderá ter até 1 TB de memória interna, expandida por cartões SD, internamente terá o máximo de 512 GB. Esta versão terá ainda opções de 12 e 16 GB de RAM. Terá uma câmara principal com um sensor de 108 MP, uma secundária de 48 MP e uma terceira de 12 MP ultra grande angular, além de zoom ótico de 10X.

Ainda segundo as especificações adiantadas, terá uma bateria de 5.000 mAh com opção de carregamento rápido a 45 W, será capaz de o carregar totalmente em 74 minutos. As estas especificações junte-se a nova geração de processadores que também se tem vindo a falar: o Snapdragon 865 nos equipamentos vendidos nos Estados Unidos e o Exynos 990 nos restantes territórios.

No caso do Exynos 990, este terá 4K a 150 FPS e 8K a 30 FPS. É ainda referido que o novo processador da Samsung venha a suportar uma taxa de refrescamento do ecrã de 120 Hz. Os especialistas sugerem que este ano o Snapdragon 865 e o Exynos 990 vão ombrear para se destacar como o mais poderoso chip para smartphones.

Galaxy Z Flip: o novo dobrável da família

Relativamente ao novo dobrável, o Z Flip, a Samsung revelou durante a noite de Óscares um teasing muito interessante do smartphone. Ao escrutinar o pequeno vídeo é possível discernir algumas das suas funcionalidades, destacando-se o pequeno ecrã exterior, ao lado da câmara fotográfica. Este apresenta informações minimalistas, como a data e hora, assim como notificações e o estado da bateria. O teasing mostra ainda que este ecrã complementa o toque da chamada com o nome da pessoa em agenda, permitindo ainda aceitar ou rejeitá-la deslizando o dedo.

Há ainda uma grande ênfase no Google Duo para chamadas em vídeo mostrado no vídeo de publicidade. Neste caso para mostrar o smartphone com o ecrã dobrado a meio, numa posição de 90º, de forma a colocá-lo em cima da mesa para chamadas em mãos livres. E é uma informação interessante, já que no caso do Galaxy Fold, a fabricante aconselha a utilizar o equipamento totalmente aberto, em forma de tablet, para evitar rasuras a meio do ecrã.

Quanto a características técnicas, os rumores iniciais indicam que o Z Flip vai contar com um ecrã de 6,7 polegadas, com 2.636 x 1.080 de resolução. O vidro de proteção vai ser mais durável do que aquele que cobre a tela do Galaxy Fold; e o processador deverá ser um Snapdragon 855 Plus. A RAM deverá chegar aos 8 GB e não existirá qualquer entrada para auriculares ou cartões. O armazenamento interno, por sua vez, deverá chegar aos 256 GB.

Galaxy Buds Plus com mais autonomia e Home Mini

Os pequenos auriculares Galaxy Buds Plus poderão também ser revelados durante a conferência. Nos leaks divulgados, é referido que a sua autonomia pode ser de 7/8 horas, considerando que 3,5 horas a tocar música alta ainda mostrava 54% de bateria.

Relativamente ao Galaxy Home Mini irá suportar muitos dos recursos que esperamos das colunas inteligentes já existentes, incluindo tocar músicas do Spotify ou disponibilizar informações sobre a meteorologia ou definir alarmes. Para além disso, o equipamento pode ser emparelhado com outro para que se consiga um melhor som estéreo, assim como receber notificações para equipamentos da linha smarthings, por exemplo.

Pelo leak, a coluna inteligente não possui uma porta de entrada para jack de 3,5mm, que parece ser alimentada por uma entrada micro USB em vez de uma USB-C, de acordo com uma fotografia da parte de trás. Max Weinbach relata ainda que o equipamento suporta apenas Wi-Fi de 2,4 GHz, sem 5 GHz "à vista".

Fonte: SapoTek